Microscopia de super-resolução é um dos desenvolvimentos mais significativos no processamento de imagens biológicas desde a invenção do microscópio. Microscópios de Resolução super alta, com capacidades que pareciam impossíveis há uma década, foram desenvolvidos, aumentando significativamente os limites da imagem celular. A Nikon lançou recentemente dois novos sistemas, com base em duas tecnologias altamente eficazes, desenvolvidos por pesquisadores da Universidade Harvard e UCSF, respectivamente.